Nódulo de Schmorl

O que é o nódulo de Schmorl

nódulo de schmorlO nódulo de Schmorl é uma condição benigna caracterizada por uma hérnia de disco para dentro do corpo vertebral (osso).

É uma condição relativamente frequente.

O nódulo de Schmorl pode ocorrer em qualquer segmento da coluna e geralmente não necessita tratamento.

Também pode ser chamado de hérnia de Schmorl ou hérnia intrassomática de Schmorl.

É um achado esporádico de exames de imagem, geralmente ressonância magnética ou tomografia, e na maioria dos casos não causa dor ou sintomas.

Foi descrito pela primeira vez em 1927 por Christian Geor Schmörl e várias teorias foram propostas para explicar seu surgimento. Entretanto, não um há consenso sobre a etiologia exata.

O que causa o nódulo de Schmorl?

Como mencionado, não existe um consenso com relação às causas do nódulo de Schmorl.

Contudo, alguns autores correlacionam o aparecimento do nódulo de Schmorl com possíveis fraquezas da placa vertebral.

Outros autores acreditam que possam surgir com episódios repetidos de trauma ou processos inflamatórios autoimunes. O fato é que a causa não é definida.

É descrito na literatura médica uma grande associação de nódulos de Schmorl com hipercifoses torácicas como a Doença de Scheuermann.

+ Cifose

Doenças degenerativas na coluna também podem acarretar na hérnia de Schmorl.

Reações autoimunes ainda estão entre as causas que desencadeiam igualmente o quadro clínico.

Quais os sintomas?

nódulo de schmorlO nódulo pode aparecer em uma coluna totalmente saudável não existindo evidências que julguem a sua existência.

Dessa maneira, é indicado que ao sentir dor nas costas e ao realizar os exames, caso seja notada a presença do nódulo, que o paciente recorra ao acompanhamento de um especialista em coluna para monitorar o quadro, uma vez que esta condição pode ser assintomática em grande parte dos quadros.

+ Especialista em coluna

Em alguns casos raros em que o nódulo de Schmorl cria alguma instabilidade vertebral, pode haver dor na área da coluna vertebral, mas isso consiste em uma ocorrência atípica.

De modo geral, os nódulos de Schmorl são indolores e acabam sendo descobertos em exames de rotina.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico do nódulo de Schmorl é feito através de exames de imagem e por meio do histórico do paciente.

Como mencionado, pessoas que apresentam doença de Scheuermann estão predispostas a desenvolver esta condição. Portanto, é necessário que o especialista em coluna obtenha tais informações para auxiliar no diagnóstico.

O exame mais indicado para poder identificar o nódulo e igualmente todo o seu entorno é a ressonância magnética. A mesma também permite verificar se o nódulo é oriundo de um quadro recente ou já mais antigo.

Caso o nódulo seja caracterizado por uma condição mais antiga, é possível notar essa alteração através do raio-x, uma vez que já há um processo de calcificação ao redor da coluna.

Em grande parte desses casos não há a manifestação de dor, mas é necessário o monitoramento do quadro para que o mesmo não desencadeie outros problemas à coluna.

Qual o tratamento para o nódulo de Schmorl?

nódulo de schmorlO tratamento para o nódulo de Schmorl só é prescrito caso o médico especalista constate a manifestação de sintomas por parte do paciente ou identifique outras alterações na estrutura vertebral.

Com base na causa do problema, como a artrose da coluna, o tratamento será objetivado no alívio destes sintomas, uma vez que o nódulo não causará dores, mas a condição do paciente em si.

Quando há dor desencadeada por outros quadros atrelados ao nódulo, o tratamento pode ser feito com medicamentos tais como os analgésicos e/ou anti-inflamatórios.

Sessões de fisioterapia também podem ser propostas, a fim de aliviar o quadro de dor e permitir uma maior amplitude de movimentos.

+ Fisioterapia

Caso haja um comprometimento da coluna devido a condição primária que desencadeou o nódulo, a intervenção cirúrgica é necessária. Normalmente procedimentos minimamente invasivos são suficientes.

No entanto, é preciso do acompanhamento junto de um especialista em coluna para determinar o tratamento correto para tais condições.

Agende uma consulta com Dr. Luciano Pellegrino

    Unidade de preferência:

    Telefone: (11) 3459-2128

    Whatsapp: (11) 95020-1592

    Horário: Segundas e Quartas das 08h00 às 18h00 | Terças e Quintas das 08h às 20h | Sextas das 08h às 17h

    Luciano Pellegrino - Doctoralia.com.br
    Sem comentários

    Deixe seu comentário